Escolha uma Página

Quem não se importa em moer café na hora de preparar o café, é porque ainda não tomou um feito assim. O sabor e aroma é muito diferente! E o melhor é que dá pra fazer isso na sua casa ou trabalho, sabia? Vem comigo que eu te falo mais sobre isso!

 

Não importa a hora do dia, preparar um bom café é um ritual incrível. Para deixar este momento ainda mais gostoso, é importante dar atenção a alguns detalhes que fazem muita diferença no resultado final, como a moagem do grão.

A explicação para esta escolha é bastante simples: os compostos de aroma e sabor do café são extremamente voláteis, ou seja, evapora com grande facilidade em contato com o ar. Quando o grão de café está inteiro sua casca funciona com uma cápsula protetora, que retém todos esses compostos.

Após a moagem, com a trituração do grão, essa cápsula é rompida e seu aroma é imediatamente liberado (é quando o cheirinho bom se espalha por todo ambiente). Além disso, a maioria desses compostos são sensíveis ao oxigênio e, por terem sua superfície de contato com o ar aumentada após a moagem, entram rapidamente em oxidação, perdendo assim suas melhores características.

 

Se você não moer o seu café imediatamente antes da extração você jamais irá experimentar todo o potencial que o café tem para lhe oferecer.

– Oliver Strand, autor da coluna Ristretto, do New York Times.

 

Segundo Oliver Strand, bastam apenas 10 minutos após a moagem para que o café perca quantidade considerável de seu aroma e sabor. Contudo, há um linha menos radical (e, na minha humilde opinião, menos exigente também) que afirma que o café permanece bom para o consumo até alguns dias após ser moído!

 

preparo de café em casa

 

Portanto, para ter nas mãos uma xícara de café com aroma fresco e intenso e rica em sabores, não negocie quanto a moagem fresca do café. Você não compraria um refrigerante sem gás, não é mesmo? Então por que então comprar um pacote de café moído a meses, que irá te oferecer apenas uma pequena parte do sabor e aroma originais?

 

Qual Moedor escolher?

 

Para te auxiliar nessa deliciosa tarefa de moer o café na do preparo, existem hoje no mercado diversas opções de moedores domésticos, podem ser  manuais ou elétricos, com valores razoavelmente acessíveis (a partir de R$ 90,00).

Basta escolher o que melhor se adapta às suas necessidades e desfrutar intensamente o prazer de saborear um café fresquinho, com o melhor que ele pode oferecer.

 

Elétrico (Semi-profissional)

moinho de caféCom este moedor, basta selecionar o grau de moagem e o número de xícaras desejadas e pronto. Por ter 18 níveis de moagem é ideal para qualquer tipo de espessura (coado, espresso, cafeteira italiana ou prensa francesa). Além disso, tem capacidade para 250g de grãos, o que lhe garante até 18 doses de café por vez. O equipamento é robusto e prático.

>> Comprar

 

Elétrico (simples)

moedor de caféEste é um dos modelos mais básicos de moedor automático. Tem capacidade de aproximadamente 1 xícara de chá de grãos de café (70g). Uma desvantagem deste moedor é que ele não possui regulagem de granulometria, e, portanto, a espessura é definida pelo tempo de moagem, que pode variar de 10 segundos a 1 minuto dependendo do resultado esperado. Ainda assim, é uma ótima opção para quem deseja moer o seu próprio café.

>> Comprar

 

Manual

moedor de caféO moedor de café manual, como o próprio nome sugere, não utiliza energia elétrica e necessita da força de seus braços para realizar todo o processo. Os grãos são moídos ao girar de uma manivela. Além de ser a opção mais barata, cria toda uma atmosfera especial, pois antes de o café ser levado à mesa o ambiente é tomado pelo aroma dos grãos.

>> Comprar

 

Dicas de Moagem

 

Com o moedor de café, você consegue preparar tanto um pó bem fininho como um grosso. Pode parecer bobagem, mas o sabor do café também muda por isso.

E os tipos de moagem são esses:

  • Grosso: o pó fica parecido com sal grosso. Também é conhecido como percolado e é mais usado na Prensa Francesa.
  • Médio: lembra areia grossa e é ideal pra preparar café coado (Hario V60, Kalita, Clever, etc.)
  • Fino: é um pouco mais fino que açúcar ou sal de mesa. A dica é usar ele nas cafeteiras com filtro ou cafeteira italiana.
  • Extra Fino: é tão fino que parece talco. Tanto que os moedores de café mais simples não conseguem moer os grãos desse jeito. É utilizado para o preparo no método ibrik (turco ou árabe)

 

Veja também:

CAFÉ EM CASA: DICAS PARA UMA XÍCARA PERFEITA

POSTS RELACIONADOS
Muitas pessoas se auto denominam como Apaixonados por Cafés. Mas essa classificação tem vários níveis,
Café Orfeu Edição Limitada Matiello celebra com café raro pesquisador brasileiro que dedica a vida
Que tal passar um dia incrível numa fazenda de café na Região do Circuito das
Café Jasmim tem notas florais e finalização de avelã e nozes   A Unique Cafés
Em São Paulo, o Trampolim StartUp Café, que também é um coworking, investiu num modelo

Pin It on Pinterest