Escolha uma Página

Quem nunca se questionou ou até mesmo perguntou para um dentista sobre o assunto: Café faz mal aos dentes?

 

Como vocês já devem saber, eu consumo bastante café. Mas sempre me lembro de algumas frases: “Café escurece os dentes”, “a cafeína agride o esmalte dos dentes” e tantas outras afirmações.

Eu fui tirar essas dúvidas dentista Érica Jin, da Clínica Clarittá, e o resulta destas dúvidas, você pode conferir neste artigo.

 


 

Sem dúvidas, uma das maiores paixões do brasileiro é o café. Seja puro ou com leite, há quem não consiga começar o dia sem tomar uma xícara deste líquido de sabor marcante. Inclusive, muitas pessoas recorrem ao café por conta de seu efeito estimulante. Assim, se sentem mais preparadas para encarar as tarefas do dia a dia. Apesar da preferência nacional, o café é visto muitas vezes como um vilão. Talvez você já deve ter ouvido falar que a cafeína faz mal para os dentes. Ou que o café escure os dentes. Será que isso é verdade?

 

Café: mocinho ou vilão?

Quem não abre mão do cafezinho de cada dia deve sim ficar atento aos seus dentes. Isso porque a cafeína é um alimento ácido para a nossa boca por conta do seu PH mais baixo. Essa acidez pode prejudicar o esmalte dos dentes, causando a sua desmineralização. A desmineralização, por sua vez, deixa o dente mais frágil e suscetível a cáries.

A acidez do café também faz com que os dentes fiquem mais sensíveis, o que pode deixá-los mais vulneráveis a doenças na gengiva.

E em relação às manchas? A cafeína pode também causar manchas amarelas ou alaranjadas principalmente se o paciente não tem o hábito de escovar os dentes. Isso porque esta bebida possui substâncias corantes que atingem o esmalte. Além disso, a camada que fica abaixo do esmalte, chamada dentina, é naturalmente amarelada. Com o desgaste, a dentina fica mais exposta. Consequentemente, o sorriso vai mesmo ficando mais amarelo.

 

Como cuidar dos dentes em abrir mão do café?

Para ter um sorriso bonito não é necessário cortar o café da sua alimentação. Basta tomar alguns cuidados.

Como qualquer tipo de alimento e bebida devemos prestar atenção nos excessos. A cafeína deve ser apreciada com moderação. Do contrário, além de deixar os dentes mais escuros pode aumentar a ansiedade. Por isso, podemos dizer que o café não é um grande vilão e você não precisa abrir mão dele. Basta fazer um consumo moderado e manter uma boa escovação. E, claro, visitar o dentista regularmente para avaliar a saúde da boca.

Lembre-se também que existem diversos alimentos que contém cafeína como chás, chocolates e refrigerantes. Portanto, fique atento também com o consumo destas bebidas!

Para evitar as manchas é importante beber bastante água e fazer a higienização bucal de forma correta. Porém, fique atento! A escovação deve ser feita após meia hora do consumo do café. Essa recomendação é para evitar que o ácido da cafeína reaja com o creme dental e prejudique os dentes.

Além de beber água, é importante consumir alimentos que ajudam a manter os dentes mais limpos. É o caso da maçã, da melancia e do kiwi.

Mesmo com todos estes cuidados, se o seu consumo for excessivo é possível que a acidez crie um efeito amarelado mais duradouro no dente. Caso você tenha algum problema bucal causado por excesso de cafeína procure um bom dentista. A profilaxia, ou limpeza, já ajuda a eliminar boa parte dos problemas. Um bom tratamento aliado ao clareamento dentário pode devolver a saúde e beleza dos seus dentes.

Você também e fã de café e quem manter seus dentes saudáveis? Então click aqui e marque uma consulta com a equipe da Clinica Carittá.

**Nenhuma das informações acima substituem uma consulta presencial.

 

 

POSTS RELACIONADOS
A grande maioria dos brasileiros adultos consomem doses diárias de cafeína superiores a 300 mg,
Não é segredo pra ninguém que o Café faz parte da nossa cultura. Somos o
Podem não acreditar, mas eu não gostava de café. Durante a minha infância e adolescência
Assim como cada moto é única e tem inúmeras opções de personalização, cada dose de
The Chopper - The Real Story. Livro escrito pelo americano Paul d'Orléans lança luz à

Pin It on Pinterest